Deve começar nesta semana obra na metade que ainda falta na ponte sobre o Rio Claro

18/10/2021
uniao-para-construir-ponte18102021.jpg

Depois da mobilização de produtores rurais e da Prefeitura de Iporá ter aceitado fazer uma Parceria Público Privado (PP), deve começar nesta semana a obra da metade da ponte que ainda falta sobre o Rio Claro, nas proximidades do povoado de São Sebastião do Rio Claro. 


No local, estão materiais para o início da obra. Muitos produtores se juntaram para a compra destes materiais. Até rifa foi feita para angariar fundos financeiros. Cabe a Prefeitura de Iporá a mão de obra de execução. 


Essa ponte é uma polêmica que vem de longa data, com muita bronca de toda uma produtiva região rural, com a ponte fazendo falta, tanto para fins de escoamento de produção, locomoção de pessoas e transporte escolar. 


Produtores rurais da região ribeirinha ao Rio Claro e divisa dos municípios de Iporá e Moiporá tomaram a iniciativa de uma construção de ponte e na busca dos recursos financeiros fizeram uso até de rifa, a fim de garantir condições para a concretização do projeto. Depois da iniciativa dos produtores, a Prefeitura de Iporá anunciou que vai ajudar. 


Em uma região produtiva, com forte pecuária e agricultura, inclusive, perspectiva de expansão de fronteira de soja, os produtores rurais penam com as precárias condições de metade da ponte. 


Por ser divisa de municípios a ponte é de responsabilidade de duas prefeituras: de Moiporá e Iporá. Ainda no mandato passado, a Prefeitura de Moiporá fez a sua parte na obra.


A outra metade, ainda em madeira, não dá segurança para os muitos transeuntes que fazem uso desta travessia sobre o Rio Claro. 


Depois de tanto cobrar e esperar, os desesperançados produtores rurais da região resolveram se unir para construir a metade da ponte que ainda falta.

O que achou dessa Notícia?
10 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente