Embaixadora de país africano virá à região para conhecer potencialidade na área de piscicultura

22/09/2021
aminata-sana-congo22092021.jpg

Aminata Sana Congo, embaixadora de Burkina Faso, entre o investidor José Araújo e a engenheira civil Rose Ferreira. Eles vão recepcionar a autoridade africana em almoço. José Araújo articulou a visita como forma de alavancar a piscicultura da região para fins de exportação. Também recepciona os africanos o empresário Ronivan Peixoto de Moraes Junior e sua esposa Janaína Abrão Chadude de Moraes, advogada

A piscicultura da região de Iporá, em fase emergente, chama a atenção do comércio exterior. Sinal desta constatação é a visita programada para a manhã do dia 30 de setembro próximo da embaixadora no Brasil de Burkina Faso, senhora Aminata Sana Congo. 


Nesse dia de visita, ela estará liderando uma missão oficial que vem de Burkina Faso, com prefeitos de cidades daquele país e outras autoridades. O país africano está estreitando relações comerciais com o Brasil para algumas mercadorias no segmento de alimentação. Uma destas é o pescado, que já é produto da região e ainda com projetos em expansão que vão incrementar ainda mais o segmento. 


A comitiva conta com três prefeitos de cidades de Burkina Faso, uma segunda vice-prefeita e um secretário administrativo de cidade, além de outras autoridades da Embaixada no Brasil, como o tesoureiro e o responsável por questões econômicas, senhores Fulberte Nana e Kassoum Drame, respectivamente. 


A visita da Comitiva de Burkina Faso em práticas de piscicultura em Goiás começa por Turvânia, onde vão conhecer um grande laboratório genético de alevinos. Depois seguem para esta região, onde vão visitar o frigorífico de peixes do empresário Sávio Gomes. Em seguida, vão conhecer os tanques de piscicultura na bacia do Rio Caiapó, também de propriedade do mesmo empresário, que é alguém que já exporta peixes. A visita termina na propriedade de José Araújo e Ronivan Peixoto Júnior, em local onde está sendo preparado um grande investimento em piscicultura. O projeto em andamento é no município de Ivolândia, que já teve apoio do ex-prefeito Fábio Seabra e tem apoio de Valdeson Júnior, atual prefeito. Ambos vão estar presentes na recepção à comitiva africana. O investidor José Araújo e a engenheira civil Rose Ferreira, juntamente com Ronivan e Janaína Abrão, vão oferecer almoço aos ilustres visitantes. Também recepciona os africanos com muito entusiasmo o empresário Ronivan Peixoto de Moraes Junior e sua esposa Janaína Abrão Chadude de Moraes, advogada. O dia 30 de setembro marcante para a piscicultura regional. 


A reportagem do Oeste Goiano falou com José Araújo e Sávio Gomes, ambos investidores em piscicultura na bacia do Rio Caiapó. Os dois mostram entusiasmo com essa perspectiva de alavancar o negócio com essa perspectiva para exportação. Sevan Naves, outro que é investidor em piscicultura na bacia do Caiapó, costuma afirmar que, com os lagos da PCHs, alavancar este tipo de negócio ficou fácil. Basta tempo e incentivo e a região poderá ser um grande polo de piscicultura. 




Investidores na região de Iporá e africanos em recente almoço de negócios em Brasília


Voltaremos a este assunto. 

O que achou dessa Notícia?
26 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente